Categoria: Blog

14 de maio de 2019

Depois de 24 anos no mercado, a Farmácia Queiroz se renova em todas as áreas. Os processos de qualidade receberam novos investimentos para aumentar a excelência dos produtos. A sustentabilidade passa por mudanças constantes para contribuir, efetivamente, com o meio ambiente. A atenção farmacêutica personalizada e o atendimento humanizado são as novas marcas da empresa.

Mesmo depois de ter conquistado a maior certificação de qualidade empresarial, o selo ISO 9001, a Farmácia Queiroz adota procedimentos que vão além das normas exigidas pelo padrão internacional. Na empresa, um produto manipulado passa por oito conferências antes de chegar ao usuário. Esta percepção a mais de qualidade é sentida pelos clientes.

A nova Farmácia Queiroz foi reinaugurada com novos laboratórios e tecnologias avançadas. Agora, um software realiza a pesagem monitorada para atingir 100% de segurança e precisão em todas as etapas de manipulação de medicamentos. Matérias-primas de alta confiabilidade e extratos padronizados, todos com laudos de origem e qualidade comprovados por empresas qualificadas fazem parte do processo. A área de dermocosmética acompanha este alto padrão. As bases cosméticas são bem elaboradas e também formuladas com tecnologia, como por exemplo, ativos nanoencapsulados, seguindo os mais rígidos e nobres padrões europeus de qualidade.

Para manter o selo de gestão ambiental IS0 14001, a Farmácia Queiroz ultrapassa normas padronizadas. A empresa não utiliza derivados de petróleo em cosméticos. Eticamente, não são feitos testes com animais. As embalagens de produtos são recicladas; é só devolvê-las na loja. Outras melhorias ambientais serão viabilizadas.

Renovada, mais moderna e com essência familiar. Ao todo, 25 profissionais capacitados valorizam o cliente como o maior patrimônio humano da empresa. A assistência farmacêutica personalizada é oferecida pela diretora técnica da Farmácia, Rita Cristina de Queiroz Sabbag, formada em Ciências Farmacêuticas, pós-graduada em Cosmetologia, Homeopatia e Manipulação, com MBA em cosmetologia e em MBA Nacional e internacional.

O atendimento, que já era atencioso, ficou ainda mais humanizado. A humanização ainda abrange quatro entidades sociais guaxupeanas, beneficiadas com doações.

A constante busca por conhecimentos e atualização criou uma parceria com universidades conceituadas. Pesquisas e lançamentos são divulgados em visitações médicas. É uma iniciativa “magistral” que leva novidades, em ativos, a especialistas da Saúde.  A Farmácia Queiroz está na vanguarda do segmento  graças a  capacidade de inovação em qualidade e humanização.

Fonte: Portal Revista Mídia – Especialistas da Saúde – http://revistamidia.com.br/especialistas-da-sa%C3%BAde.html

Postado em Blog por farmaciaqueiroz
24 de janeiro de 2019
Postado em Blog por farmaciaqueiroz
24 de janeiro de 2019

O que dizer para uma pessoa com ansiedade?

Postado em Blog por farmaciaqueiroz
28 de novembro de 2018

Postado em Blog por farmaciaqueiroz
26 de setembro de 2018

Confira as dicas para auxiliar seus clientes na busca pela boa forma

Com a chegada do verão e seus dias mais quentes, o número de pessoas se exercitando em academias, ruas e parques aumenta consideravelmente. De acordo com dados da ACAD – Associação Brasileira de Academias, os brasileiros estão cuidando mais do corpo, e esse cuidado já tem se estendido para os outros meses do ano.
O Brasil já é o segundo maior mercado do mundo no que diz respeito às academias. Em número de estabelecimentos, são quase 32 mil unidades — atrás apenas dos Estados Unidos, e o quarto em número de alunos (8 milhões). O setor movimenta hoje mais de 2,4 bilhões de dólares no país, de acordo com a IHRSA (International Health, Racquet & Sportsclub Association), órgão responsável por estudos do mundo fitness.
A tendência por buscar uma vida mais saudável e se exercitar deve atingir também o setor magistral. Nem todos sabem, mas o farmacêutico pode ajudar os sedentos por saúde de diversas formas.
Separamos essas dicas para você auxiliar seus clientes na busca pela boa forma. Confira:
1- Acompanhamento e disciplina
Para qualquer tipo de exercício, a disciplina do praticamente é fundamental, por isso a presença do educador físico é tão importante. Busque sempre encorajar seus clientes a fazer uma avaliação médica antes de iniciar o tratamento com remédios e os exercícios.
2- Passagem pelo nutricionista
Antes da ida à farmácia, o mais indicado para o consumidor é passar por um nutricionista ou nutrólogo, já que este tipo de profissional é capaz de identificar as necessidades de cada um. Independente do peso, gênero e quadro clínico, todos podem buscar a ajuda médica para desenvolver uma dieta individualizada e traçar uma rotina de exercícios. Após a visita e as recomendações, o cliente pode recorrer aos farmacêuticos.
3- Uso de antioxidantes
Você, farmacêutico, conhece a eficácia e as funções dos antioxidantes. Dentre elas: ao combater os radicais livres, contribui para proteção da pele e evita o envelhecimento precoce; reduz a fadiga muscular pelos danos gerados durante os exercícios físicos e possibilita um avanço consistente dos resultados.
Por isso, a Vepakum traz uma grande novidade para o mercado magistral.
O Sepifit TM é um complexo antioxidante sinérgico (Provinols + Zinco + Vitamina E), ideal para praticantes de atividades físicas diárias que procuram uma melhor performance corporal e cuidado com a pele.
Ele também trabalha contra o aumento da peroxidação lipídica, o que preserva a pele, protege os músculos da fadiga e dos danos causados pelas atividades físicas. Além disso, através de múltiplos mecanismos, promove o efeito antienvelhecimento e protege a pele contra os efeitos deletérios da radiação UV.
Para quem procura o melhor desempenho da pele e do corpo, a solução está mais fácil de conquistar. E agora você pode proporcionar isso ao seu cliente. Enquanto isso, o mundo fitness representa uma maior rentabilidade para o farmacêutico por ser uma nova demanda.
A proteção muscular é uma das maneiras mais eficientes de melhorar a recuperação. SEPIFIT ™ PROTECT protege os músculos contra a fadiga e danos induzidos pelo exercício. Consequentemente, contribui para otimizar o desempenho e a recuperação do seu cliente.
Postado em Blog por farmaciaqueiroz
26 de setembro de 2018

Alimentos que limpam o organismo!

 

 

 

 

Postado em Blog por farmaciaqueiroz
18 de setembro de 2018

Caem cerca de 100 fios de cabelo por dia, mas quando os fios estão caindo mais do que o normal é hora de tomar algumas atitudes. Confira algumas dicas!

Postado em Blog por farmaciaqueiroz
2 de setembro de 2018

Muitas vezes, para se alcançar um propósito ou um resultado, é preciso fazer as coisas do jeito que você acredita, e não da maneira tradicional, engessada ou imposta, mas desde que isso não fira a integridade de alguém ou prejudique as pessoas.

Steve Jobs acreditava que o computador poderia ser algo pessoal, poderia ser uma ferramenta extraordinária para as pessoas em suas casas e não somente em empresas. Não faltaram pessoas o chamando de louco e desacreditando na mudança e impacto que ele desejava causar. Pois bem, sabemos que ele foi determinado neste caminho e hoje desfrutamos muito do impacto que ele causou.

Mas, para ilustrar com outro exemplo, vamos para 1936, para a cidade de Nova York, onde mais de 17 mil espectadores posicionaram-se nas arquibancadas do Madison Square Garden, para acompanhar o jogo de Basquete entre o Long Island University, que vinha de uma sequência de 43 vitórias, e o time de Stanford. Nesse dia as pessoas presentes assistiram não só a quebra da sequência de vitórias do Long Island University, mas algo que mudaria para sempre a forma dos atletas realizarem seus arremessos.

Hank Luisetti, um jovem atleta do time de Stanford, tinha uma maneira inusitada de arremessar, bem diferente da forma tradicional, pois dava um pequeno pulo e arremessava a bola com apenas uma das mãos. Até então, todos os atletas arremessavam com as duas mãos e sem dar o pequeno pulo, por isso ele ouviu muita reclamação, resistência vindo de vários lugares e treinadores diziam que não era assim que se fazia um arremesso. Claro, ele colaborou para que seu time conseguisse vitórias, ele não mudou o jogo em seu objetivo, que era fazer mais cestas (pontos) que o adversário. Ele mudou a maneira de alcançar esse propósito, mudou a forma, tanto que hoje, não conseguimos nem imaginar um arremesso sem um movimento de “pulinho” e sem que seja com uma mão priorizando o arremesso.

Outro exemplo é o do atleta Dick Fosbury, criador do salto de costas, o “Salto Fosbury”, no salto em altura. Nos Jogos Olímpicos de 1968, no México, ele ganhou a medalha de ouro e estabeleceu um novo recorde olímpico ao saltar 2,24m, mostrando a eficácia de sua nova técnica. Ele também viu reações da comunidade do salto em altura criticando e debochando de sua técnica, mas ele provou que essa era uma técnica vitoriosa. O “Salto Fosbury” rapidamente se tornou popular e hoje é a técnica mais utilizada pelos atletas de salto em altura.

Portanto, se você acredita de verdade em uma abordagem não tradicional, mas que pode resultar na realização de seus propósitos e transformação positiva para você e para as pessoas, siga em frente. Críticas virão, descaso pode ocorrer, você pode ter que reorganizar alguns pontos, mas siga firme, siga determinado, siga com fé. Falhar faz parte do aprendizado e da construção do sucesso, essas situações aconteceram com pessoas que realizaram coisas extraordinárias. Por isso, faça o que você acredita, faça o que precisa ser feito.

Autor
Eduardo Colamego
Eduardo Colamego
Consultor, escritor e palestrante.

Consultor, escritor e palestrante, especialista em liderança, desenvolvimento de pessoas e negócios. Possui grande experiência em liderança e gestão de equipes de alto desempenho, treinamento e RH. Coordena atualmente o Programa de Orientação para o Trabalho junto da ELECAMP – Escola do Legislativo de Campinas, onde o alcance deve chegar a 10 mil jovens até 2017, e o departamento de Recursos Humanos da Consulfarma.

Postado em Blog por farmaciaqueiroz
30 de junho de 2018

Os pesquisadores da Universidade Federal Fluminense (UFF) avançam nos estudos sobre a relação entre a alimentação e os distúrbios mentais, principalmente nos primeiros anos de vida. O objetivo da pesquisa, realizada pelo Laboratório de Plasticidade Neural (LPN) da UFF, é estabelecer os danos provocados pela má nutrição ao cérebro e de que forma é possível recuperar o desenvolvimento normal com mudanças nos hábitos alimentares e estratégias de suplementação de nutrientes.

A pesquisa, realizada em modelos animais, mostrou que ratos mal alimentados apresentam atrasos significativos no desenvolvimento sensorial, o que sugere que crianças mal estimuladas e/ou mal alimentadas podem apresentar alguns sintomas característicos do autismo, como o atraso na fala, apatia e baixa interação social. Além disso, o estudo, nos modelos animais, sugere danos permanentes, indicando que a má nutrição pode produzir quadros de atraso do desenvolvimento limitando de forma permanente o desempenho da criança e do adolescente.

Os pesquisadores trabalham com nutrição experimental, por meio de testes, para avaliar os efeitos causados por dietas. A partir das avaliações buscam construir conhecimento das condições normais e patológicas do desenvolvimento neural dos indivíduos, inclusive durante a formação do feto na gravidez, com o propósito de evitar distúrbios, deficiências mentais e doenças neurodegenerativas.

“A expectativa é que os resultados dos experimentos possam contribuir para a questão da saúde pública e para a conscientização da população sobre a importância de uma alimentação equilibrada para os mais diversos aspectos do desenvolvimento humano”, explicou o professor e chefe do laboratório da UFF, o neurocientista Claudio Alberto Serfaty.

Segundo o professor, o período crítico de desenvolvimento vai do nascimento até os sete anos de vida, mas que pode se estender até o fim da adolescência. A estimulação ambiental e a nutrição correta e balanceada são fundamentais para o amadurecimento do cérebro.

De acordo ainda com o neurocientista, não é somente a forma da desnutrição proteico-calórica, em que as crianças são de baixo peso e baixa estatura, que preocupa. Existem outras em que a criança tem um bom aporte energético (não perde peso) que são tão preocupantes quanto a forma mais grave de desnutrição, ao menos para o desenvolvimento do cérebro.

“Devemos estar sempre atentos à educação nutricional. Os pais precisam ficar em alerta com as crianças que consomem alimentos industrializados em excesso e se recusam a uma alimentação adequada com fontes proteicas. Comida saudável é aquela que fazemos em casa”, ressalta Claudio Alberto Serfaty. Para ele, o ideal é que toda a população tenha acesso a um melhor padrão nutricional, principalmente as gestantes e as mulheres que estão amamentando, para que o feto e o bebê tenham um desenvolvimento saudável.
Segundo o vice-reitor da UFF, Antonio Claudio da Nóbrega, o trabalho realizado no laboratório mostra um dos mais importantes papeis da universidade, que é o de gerar conhecimento e assim contribuir para a construção de uma sociedade mais saudável com base na informação.

FONTE: Jornal do Brasil

Postado em Blog por farmaciaqueiroz